Prometeu e Pandora

Prometeu e Pandora

Prometeu e Pandora

Prometeu era um protetor especial da humanidade. Quando Zeus e os homens encontraram-se para partilhar comida, Prometeu tramou para que Zeus levasse os ossos e deixasse a carne para os homens. Zeus reagiu tirando o fogo da Terra. Mas Prometeu foi até a forja de Hefaístos e roubou um pouco de fogo para os humanos. Ele também os ensinou a usá-lo para trabalhar com metais. Irado, Zeus acorrentou Prometeu a uma rocha e mandou uma águia bicar-lhe o fígado. O tormento continuou sem parar, porque o órgão voltava a crescer e a ave voltava a comê-lo

Em retaliação pelo roubo do fogo, Zeus pediu a Hefaístos que fizesse com barro a primeira mulher, Pandora. Zeus enviou-a com uma caixa a Terra, conde se casou com Epimeteu. Curiosa, Pandora abriu a caixa e todos os males da humanidade escaparam. Quando ela a fechou de novo, só restava lá dentro a esperança. Numa outra versão da história, a caixa continha bênçãos, que escaparam de volta aos céus.

Grato pelo comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s